7 coisas a considerar ao construir um ralo de chuva

Um sistema de drenagem pluvial é projetado para drenar a água da chuva ou superficial do solo não poroso. Este terreno pode ser o seu estacionamento pavimentado ou uma passarela de concreto. Os drenos pluviais são essenciais porque ajudam a prevenir a estagnação da água em sua casa, o que pode causar odores de mofo e riscos à saúde.

No entanto, para que a drenagem pluvial tenha um desempenho eficiente, é necessário construí-la de acordo com os padrões prescritos. Abaixo está uma discussão detalhada dos fatores a serem considerados ao construir um bueiro.

  1. Magnitude do Trabalho

Construir um bueiro pode ser um desafio sem o conhecimento e as ferramentas adequadas. Portanto, a primeira coisa que você precisa considerar é a magnitude do trabalho envolvido na construção de um bueiro. Isso ajuda a determinar se ele se qualifica como um projeto do tipo faça você mesmo (faça você mesmo) ou se você precisa contratar profissionais.

Se você deseja construir um ralo de pequeno porte para evitar inundações no gramado, pode considerá-lo um projeto DIY. No entanto, se uma área considerável ao redor de sua casa estiver apresentando problemas de drenagem, considere procurar os serviços de um encanador profissional. Trabalhos extensos de construção de drenagem pluvial podem exigir equipamentos pesados, como uma escavadeira, que você provavelmente não possui.

Para construir um dreno pluvial de pequeno porte, você precisa de várias ferramentas e uma folha de metal perfurada para cobrir o ponto de entrada do escoamento de águas pluviais. Este site oferece informações sobre chapas metálicas perfuradas que poderiam ser utilizadas para esse fim.

Também é fundamental desenvolver um projeto para resolver problemas de drenagem, levando em consideração vários fatores, como a fundação. Seria aconselhável consultar um encanador experiente para garantir que o projeto e a construção do sistema de drenagem pluvial estejam em conformidade com os códigos de construção locais.

  1. Inclinação do terreno

Um dreno pluvial eficaz requer instalação em um ângulo específico para permitir o fluxo de água. Suponha que um dreno pluvial seja construído em um local plano. Nesse caso, poderá ocorrer estagnação da água no ralo, levando a um possível bloqueio.

Você pode corrigir a situação cavando uma vala para o dreno. Permita uma inclinação em direção à área de gravidade. Você não precisa ir muito fundo. Um pequeno passo deve ser suficiente para garantir que o dreno dobre ligeiramente. Nesta posição, as águas residuais fluirão suavemente, auxiliadas pela gravidade.

Um passo profundo fará com que a água flua muito rapidamente e pode levar à estagnação da água no final. É provável que você experimente isso com um ralo francês, onde a água volta para o solo circundante.

  1. Linhas de serviços públicos existentes

Construir um bueiro exige que você cave no subsolo. Diversas prestações de serviços passam no subsolo, como cabos de eletricidade e fibra, bem como tubulações de encanamento. Um movimento errado e você poderá danificar outros sistemas, interrompendo serviços. Tais danos implicam uma despesa considerável para reparar. E também há a possibilidade de ações judiciais.

Portanto, considere ligar para os provedores de serviços em sua área e perguntar onde estão suas linhas de serviço. Alguns enviarão os designs para você, enquanto outros irão ao site e mostrarão. Você saberá onde colocar seu ralo de chuva com essas informações.

  1. Tubo para usar

O tipo e o tamanho do tubo que você deve usar dependerão muito do tipo de drenagem pluvial que você pretende construir. Existem vários tipos de bueiros que você pode adotar em seu projeto. A maioria exigirá o uso de tubo marrom de cloreto de polivinila (PVC). Não precisa de nenhuma manipulação durante a instalação, a menos que o comprimento que você está cobrindo seja longo. Neste caso, você precisará unir vários tubos até atingir o comprimento desejado.

No entanto, se você estiver instalando um Dreno francês, você precisa de um tubo de PVC perfurado. Você pode comprar um já perfurado ou comprar o tubo de PVC marrom comum e fazer você mesmo os furos. Apenas certifique-se de que os furos estejam distribuídos uniformemente e tenham diâmetro adequado.

Quanto ao tamanho do tubo, você deve considerar a quantidade de água que espera passar pelo tubo. Suponha que você more em uma área propensa a fortes chuvas. É melhor optar por um tubo de PVC de grande diâmetro. A água penetrará rapidamente com um diâmetro grande, e o cano irá retirá-la mais rapidamente à medida que mais entrar. Com isso, você não precisa se preocupar com água estagnada.

Por outro lado, se você não espera muita chuva ou escoamento, opte por um cano de tamanho médio.

  1. A base

A base refere-se à superfície onde você colocará os canos após desenterrar. Você não pode simplesmente colocar os canos ao acaso. É fundamental que a base esteja nivelada e sem obstruções, como raízes.

As raízes podem causar problemas no futuro, como quando entram nos canos através dos locais com juntas. Com o tempo, essas raízes crescerão, causando bloqueios que dificultarão o fluxo da água.

Em casos extremos, seus canos podem quebrar, exigindo reparos dispendiosos.

  1. Regulamentos

Na maioria dos estados, você precisa obter uma licença antes de prosseguir com a construção de um bueiro. A razão é que há uma grande probabilidade de que o seu bueiro afete as casas ao seu redor e o sistema de encanamento do seu município.

Você precisa informar o governo local sobre seus planos e enviar os projetos para aprovação. No entanto, as aprovações de design geralmente são necessárias quando se trata de um projeto grande. No entanto, antes de iniciar seu projeto, informe-se sobre os regulamentos e normas pertinentes.

Seu sistema de drenagem pluvial proposto deve estar em conformidade com as normas locais códigos de construção. Esses regulamentos regem o projeto de drenagem pluvial e especificam os padrões de construção. O não cumprimento pode acarretar multas e penalidades, principalmente se ocorrerem acidentes devido a violações.

  1. Ponto de Descarte

Antes de construir seu ralo pluvial, você deve ter uma ideia clara de para onde a água coletada será drenada. Essas informações ajudarão no planejamento e na obtenção das licenças necessárias. Vai escoar para a rede pública de esgoto? Você tem um sistema de esgoto privado com provisões para reciclagem de água?

Suponha que o seu ponto de descarte planejado seja o esgoto público mais próximo. Você tem que direcionar seus canos nessa direção. Além disso, você precisa identificar o ponto de entrada da água no esgoto. Deve estar a uma altura que não permita o refluxo caso o esgoto desenvolva um problema ou tenha um transbordamento geral.

Conclusão

A partir da discussão acima, agora você tem um conhecimento prático dos fatores críticos a serem considerados ao construir uma drenagem pluvial. Lembre-se deles antes de iniciar este projeto, quer você decida fazê-lo sozinho ou contratar serviços profissionais. É altamente benéfico ter um dreno pluvial bem construído, pois ajudará a prevenir inundações e o acúmulo de água estagnada, além de proteger a infraestrutura circundante.

Conteúdo Relacionado

Voltar para o blog

Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes da publicação.